26.7.17

Diy Dia dos Avós

Como prometido aqui fica os links para poderem fazer o download do Diy do dia dos Avós
Postal e casinha que podem rechear com docinhos.
O postal eu imprimi apenas num lado, dobrei e na parte da frente recortei os avós e as palavras e decorei ao meu gosto.
Espero que gostem !














Postal
Casinha

24.7.17

BEAUTY BEYOND SIZE

A convite do blogue She Writes venho falar-vos um pouco deste conceito.
Isto começou por causa de uma plus size, Ashley Graham,e uma hashtag denominada #beautybeyondsize.
Por causa disso, muitas pessoas começaram a pensar e a ver-se de outra maneira.
Já aqui escrevi, que não tenho preconceito por as pessoas serem gordas ou magras, como eu também, penso assim de mim. Sempre odiei os meus braços e agora adoro-os, e uso t-shirts de manga cavada.
Aumentei de peso, e não tenho problemas de saúde nenhuns como tantas gordinhas por aí, fui mãe e isso fez de mim mulher como muitas outras.
 Barriga descaída e flácida, celulite e estrias por todo o corpo, cara mais rechonchuda e peito maior.
Não tenho vergonha.
 Nunca tive vergonha de me mostrar, nunca me escondi, e nunca o irei fazer.
Fui á praia este fim de semana, e fui sem vergonha de mostrar a casca de laranja nas coxas ou a barriga descaída após uma barriga enorme que carreguei durante nove meses e sim, muito descuido devido a não me entender nem gostar de mim, mas isso mudou.
Somos mulheres e devemos ter o máximo orgulho nisso possível!
Não interessa que sejamos magras demais ou pesadas demais, temos de gostar de nós próprias!
Não quero saber se me vão julgar por estar vestida de uma maneira em que a sociedade entende que só quem tem determinado físico o pode fazer, mas afinal quem disse isso??
Eu posso andar de calções sim!
Eu posso usar um vestido justo para mostrar as minhas curvas, hell yeah!
Sou assim como sou e adoro-me por ser assim, e não apenas uma imagem que todos queriam que fosse, isso é falso e isso não se enquadra nos meus princípios.
Já dizia o ditado "gordura é formosura!" e se somos mais felizes dentro do corpo em que estamos, temos mais que é mostrar isso a aquelas mulheres que ficam em casa a deprimir porque não gostam de nada em si.
Não há nada que não possamos fazer! Não há nada que não possamos vestir!
Somos plus size, não somos uma doença!
Somos mulheres e não peões nesta sociedade fria!
Há que revolucionar as mentes, e termos orgulho em cada uma de nós!
#beautybeyondsize


              

20.7.17

Não metam o bedelho!

Quando não se pede a opinião, uma pessoa agradece que não opinem.
Mães, de todo o mundo, devem estar tão saturadas de ouvir sempre a mesma porcaria quando estão com os filhos ou a falar dos filhos:
"Ainda não fala, o meu neto já fala desde 1 ano"
"Ainda não anda, a minha filha já anda muito bem"
E agora??
Por favor lembrem-se que se ninguém vos pede a opinião, não a dêem, e muito menos comparem!
É mau para nós e mau para as crianças.
Todas têm o sei ritmo de crescimento e todas têm de estar livres de pressão.
A minha Mariana vai fazer dentro de uns meses 4 anos e ainda fala a bebé e há palavras que não se expressa corretamente e ainda não diz os 'R' dentro das palavras e se for a comparar com o meu sobrinho que só difere uma semana dela na idade, ele fala muito melhor e não vou, nem posso comparar um com o outro, porque todos são diferentes na evolução.
A Mariana já expressa muitas vezes a desilusão de que os amigos fazem e dizem e ela não, e sei que isso a entristece, mas nunca farei pressão para que ela aprenda á  força.
Não somos todos iguais, podia dizer que ela sai a mim e fala lindamente desde os 2 como eu falei, mas não é.
Todas as crianças precisam de calma e ir ao seu ritmo, não façam deles robots, nem prodígios, deixai as crianças serem crianças e que aprendam á  maneira deles, sem pressão, sem regras rígidas para aprender.
Quando são eles á querem aprender melhor, mas forçar não é saudável.
Posso dizer que "criei" um molho de filhos (primos) e estou muito contente por estar a educar desta maneira a Mariana e saber que ela vai ter muitas recordações da sua feliz e maravilhosa infância e que eu fiz por isso. Terão tempo de aprender. Terão tempo de ser sabichões. Terão tempo de marrar nos livros.
Deixai as crianças serem felizes.

4.7.17

Transição dos 3 anos para os 4

Fases.
É o que dizem que será.
Birras intermináveis, brincadeiras com coisas perigosas, não consegue ouvir um não,
chora por tudo e por nada, fica nervosa e bate-se caso a contrarie, não obedece a um pedido, tem de ter as coisas na hora ou então não se cala de a pedir.
Nunca tem sono mas adormece logo, não respeita simples regras, quando se lhe ensina algo diz que ela é que sabe e nós não, anda com a bicha solitária e come sem destino.
Também tem coisas boas, anda mais meiguinha, canta sozinha, brinca mais , faz histórias, tenta ler livros usando apenas as imagens, faz de nós os seus bebés, sai da cama e vem acordar-nos com gritos de "mãe tenho fome".
Nem tudo é fácil e cada vez mais isto se adensa, mas compensa tudo quando sai aquele "amo-te muito".
Quanto á fala, ela está a melhorar, mas também anda mais preguiçosa, não aceita opiniões nem ajudas, é tudo quero, posso e mando, quero acreditar que seja só uma preguiça de excesso de mimo que a "prive" de falar os "r's" , dizem que é normal, afinal ela sabe dizer bem o "rato" mas "comprar" ou "falar" não diz sem os "l".
Esperemos que melhore!








14.6.17

Passatempo O T1 é Grande #5

Tchanam! Eu só vos estrago com mimos! Qualquer dia quero uma estátua! 😜




Sweet Prince

Oferece uma almofada personalizável


TeePee da Mimi

Laços & Passos

Oferece estes lindos sapatinhos


HandMade By Sophie

Oferece esta ilustração mais do que querida


Bee

Oferece um destes babetes




Closet dos Laços


Oferece este conjunto


Novelo de Histórias

Oferece um destes quadros personalizados em formato digital



Amor em Papel

Oferece uma Chalkboard personalizável em formato digital




Âmbar Bebé
 Oferece este colar tão fofinho!




Regras

1. 
Colocar gosto nas seguintes páginas




E claro na nossa página do Facebook 

- Seguir o blogue o Nosso T1 



-Seguir o Instagram do Nosso T1

-Terão de partilhar publicamente o post do Facebook referente ao passatempo no vosso perfil.

-Terão de comentar o post do Facebook do passatempo, identificando 3 amigos ou amigas. Podem participar mais de que uma vez, identificando amigas diferentes.

-O vencedor/a será aleatoriamente escolhido através de random.org, e anunciado no dia 14 de Junho, as participações têm fim dia 1 de Julho até as 23h59m.






Marcas interessadas num próximo "Passatempo o T1 é Grande!", enviem um email para onossot1@gmail.com.

13.6.17

Mentalidade de um Homem VS. Mentalidade de uma Mulher

Este tema, veio á minha querida mente quando estava a falar sobre certas e determinadas coisas que me irritam profundamente e intensamente no meu querido marido.
Digo já antes de falar que isto não se aplica de todo a todos os homens, e sei disso porque já presenciei e ouvi histórias idênticas ás minhas com fins diferentes, nem todos os homens são iguais e nem todos são que nem pedras!

Primeiro ponto, vou armar-me em psicóloga, porque parece que lhes falta algo na cabeça de ar daqueles tipos, não dizem sim duas vezes principalmente se estiverem de mau humor.
Relaxam-se demasiado quando se trata da educação e atenção aos filhos,que queiram ou não vieram dos "gémeos" deles e por isso têm de participar mais.
Só se queixam que estão cansados, mas se formos nós, donas de casa a história é "mas estás em casa não fazes nada", yup eu mando a senhora da 5 á sec vir cá trazer a roupa, lavada, passada e dobrada para ti , digo ao restaurante para te vir por a mesa e fazer o comer, já agora mando uma senhora fazer a limpeza da casa, fazer camas, lavar a loiça e ainda ir ás compras e contrato uma baby sitter para aturar os teus maus genes nos teus filhos, yup não fazemos nada!
Continuam cansados, a filha pede para ler um livro ele manda a mãe ler, ela pede agua estando ele na cozinha e ele diz para pedir á mãe que esta a tomar banho, mas nunca estão cansados para coisas intimas, e agora com este calor, ah foda-se chega-te para lá , deixa de tomar viagra e já podes descansar!
Nunca se pode fazer gastos, a não ser que seja para as coisas deles. Consolas, telemóveis, material para os carros, etc, quando andamos nós a meses a tentar evitar de gastar o máximo que podemos para comprar aquelas peças que faltam no guarda roupa dos miúdos, ou poupar para o aniversário que para nós tem de ser o melhor!
"Aniversário? Mas eu nem tinha festas porque é que eles têm de ter? " What? Então a tua mãe ou era muito pobre na altura ou não gosta nada ti. Qual é a pessoa hoje em dia que não se deve lembrar das festas de aniversario com família, ou algumas ate com amigos, ou apenas o bolo na escola cantando os parabéns pelos nossos amiguinhos da nossa infância, mas que raio de homem acha que se não teve os filhos não precisam de ter?? Eu sei a resposta mas é muito má para eu dizer!
"Televisão, mas não via bonecos, assim habitua-se mal." Lá vem a conversa do eu não tive eles também não podem, mas que raio, afinal queremos que os nossos filhos tenham sempre um pouco de melhor que nós, mas não em exagero. Nao é necessário ter aquele brinquedo que custa 50 euros só porque sim, nem todas as crianças valorizam, e há outras que valorizam até um brinquedo de 1 euro, é tudo diferente, mas no final, nós devemos ser melhores e diferentes com eles. Afinal, não são eles que pedem para vir ao mundo.

Acho que não só educamos os nossos filhos como os nossos maridos, porque no fim eles parecem ser mais crianças que os próprios miúdos e cada vez mais infantis. Tive imensas festas de anos, com família, na escola, com amigos em casa, fui uma criança com uma infância super feliz, brinquei muito na rua, rachei a cabeça, e foi porque me mandaram um tijolo á testa, fui escoteira, e quero que a minha filha também tenha as suas escolhas, algo que eu não tive, mas também que viva, e seja uma criança que se lembre nem que seja nas fotos da infância feliz que teve.
Eu falo por mim, não neste texto todo mas no que toca a parte de ter um marido infantil e sem duvida com muito para aprender e mudar. Não escolhemos os pais, mas podemos fazer as nossas escolhas e infelizmente antes de eu aparecer já tinha demasiado menino da mamã nele e quando é assim e quando se vive mesmo ao lado dessa pessoa, valha-me Deus, mais vale rezar o terço de joelhos e pedir a todos os santos que nos ajudem porque a tarefa não vai ser nada fácil e realmente não tem sido, mas a verdade é que chegando aos 25 há que fazer mesmo aquele corte profundo com os pais, sermos todos amigos e sermos família, apesar de que não há ali família, mas de pensarmos que iremos mais tarde criar a nossa família e que temos de nos tornar independentes dos nossos pais.
Só um exemplo, com 28 anos que ele tinha, cheguei a ver a minha sogra a cortar um bife ao meu marido, como se ele ainda fosse bebé. De vez em quando pede para lhe tirar os ossos do frango e eu:
                                                             





Ainda se acham eles mais maduros que nós! E agora vocês devem estar assim:



Meninas, que também leram o meu desabafo sobre a minha sogra, e que quiseram falar comigo em privado para não haver problemas com a família, podem fazê-lo novamente!



5.5.17

Mariana

ESta miúda espanta-me cada vez mais.
Cresceu demasiado rápido e sinto que não  tenho aproveitado o tempo que passo com ela.
Foi tudo muito rápido.  Um bebé chorão por causa das cólicas,  uma bebé que só dormia se eu estivesse com ela e se não tivesse tinha que dormir junto ao meu pijama e na nossa cama.
Tinha sempre muita fome, e muitos problemas de intestinos.
Cresceu sempre sorridente e ainda hoje encanta qualquer pessoa com aquele sorriso rasgado. Acho que não registei em fotos o que gostaria ter registado dela em bebé e isso faz-me sentir um vazio e muitas saudades dela.
Hoje é uma miúda meiga, que diz coisas que me fazem pensar duas vezes antes de falar,  já ralha connosco, diz que nos ama e só quer passear. É vaidosa como tudo e chateia-se se não usar a roupa que ela quer, já dá desculpas para fazer certas coisas,  nomeadamente arrumar os brinquedos.
Gosta de princesas e de pintar os lábios,  quer usar o mesmo tom de verniz que eu.
Tenho tantas saudades do cheirinho dela, que já não é igual ao de agora, os gritinhos e gemidos que fazia quando dormia ou quando brincava enfim, sou uma mãe babada e super protetora 😁